Início » Horóscopo Chinês » Horóscopo Chinês Dragão

Horóscopo Chinês Dragão

Como sabe, o ano do dragão é o quinto do ciclo dos doze anos do zodíaco chinês e aqui trazemos até você algumas das curiosidades mais interessantes do horóscopo chinês dragão. Os onze animais do zodíacos restantes são: o Rato, Boi, Tigre, Coelho, Serpente, Cavalo, Cabra, Macaco, Galo, Cão e Porco. Confira de seguida todas as informações.

O ano do dragão, assim como todos os outros, ocorre a cada 12 anos.

Horóscopo Chinês Dragão

Características Gerais do Horóscopo Chinês Dragão

Cores da Sorte

  • Dourado
  • Prateado
  • Branco

Números da Sorte

  • 1
  • 6
  • 7

Flores da Sorte

  • Lágrima-de-Cristo
  • Flores do Dragão

Anos de Nascimento

1916, 1928, 1940, 1952, 1964, 1976, 1988, 2000, 2012

A Personalidade do Dragão

  • Confiante
  • Inteligente

Entre os animais do zodíaco Chinês, o Dragão é o único animal imaginário, sendo, também, o mais vital e poderoso. Nos tempos antigos, os chineses acreditavam que os dragões podiam controlar tudo no mundo com os seus traços de personalidade de dominância e ambição.

Dotados de uma coragem inata, tenacidade e inteligência, os dragões são, também, entusiastas e confiantes. Não têm medo de desafios e estão sempre dispostos a correr riscos. No entanto, os dragões são, por vezes, vistos como agressivos e inflexíveis perante críticas. Eles não se consideram irritantes ou arrogantes. Em vez de seguirem a tradição, eles procuram obter um futuro estável.

Amor e Relacionamentos

Os Dragões não terão tempo para relações por estarem demasiado ocupados com o seu trabalho e/ou carreira durante este ano, apesar de ansiarem o amor. É improvável que eles se apaixonem neste ano. No entanto, irão ter oportunidades de namorar o sexo oposto.

Eles irão ter mais oportunidades para relações amorosas no final do ano. No entanto, elas serão relações breves. Os piores meses para relacionamentos recairão no terceiro, no quinto e no sétimo dos meses lunares Chineses.

Os dragões nunca deverão ser egocêntricos nem convencidos, sob pena de perderem as pessoas com as quais mantêm relações afetivas.

Participar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *